Presidente do STF participa de homenagem da Advocacia aos 35 anos da Constituição Federal

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luís Roberto Barroso, participou, nesta segunda-feira (23), no Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da homenagem da Advocacia aos 35 anos da Constituição Federal. Foram homenageados representantes dos Três Poderes e integrantes da Assembleia Nacional Constituinte.

Estabilidade, avanços e desafios

Barroso afirmou que esse período é marcado pela estabilidade institucional e ressaltou que a Carta de 1988 é responsável por grandes avanços, como a estabilidade monetária, o aumento da inclusão social e os avanços nos direitos de mulheres, de pessoas negras, indígenas e com deficiência e da população LGBTQIA+. Mas salientou que, apesar das conquistas, ainda há desafios a serem superados, como a pobreza extrema, a desigualdade e os altos índices de violência. “Temos andado na direção certa, ainda que não na velocidade desejada”, avaliou.

Refundação do Brasil

O presidente da OAB, Beto Simonetti, destacou que a homenagem abrange pessoas e instituições representantes dos Três Poderes e da sociedade civil que contribuíram para a construção e a proteção da Constituição brasileira que, segundo ele, refundou o Brasil e encerrou uma era autoritária.

Também participaram do evento o vice-presidente da República, Geraldo Alckmin, que foi parlamentar constituinte, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, o ministro-chefe da Advocacia-Geral da União, Jorge Messias, os parlamentares constituintes Lídice da Mata, Sérgio Brito, Hugo Napoleão e Aldo Arantes, entre outras pessoas e instituições.

PR//CF

 

Com informações do STF

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também!