Concedida prisão domiciliar a iraquiano do grupo de risco condenado por roubo de pedras preciosas

Concedida prisão domiciliar a iraquiano do grupo de risco condenado por roubo de pedras preciosas

Por estar no grupo de risco da Covid-19, um cidadão iraquiano condenado por encomendar roubo de pedras preciosas teve a prisão domiciliar concedida nesta sexta-feira (8), em decisão da ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Laurita Vaz. A magistrada destacou que não se pode ignorar a intensa e crescente disseminação da Covid-19 nos presídios do…