STF lança programa de intercâmbio nacional da Cátedra Victor Nunes Leal

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, lança nesta quinta-feira (30) o edital da primeira edição do Programa de Intercâmbio Nacional da Cátedra Victor Nunes Leal, um centro de estudos e fomento à troca de conhecimentos por meio de programas de intercâmbio, com enfoque voltado à pesquisa. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 14 de outubro.

Na primeira edição, o programa, que será realizado anualmente, é direcionado para atividades desenvolvidas por pesquisadores de instituições de ensino e pesquisa nacionais da pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado), pós-doutores e professores mestres ou doutores, com o objetivo de fomentar pesquisas sobre temas relacionados às atividades e aos interesses do STF.

“O Programa de Intercâmbio Nacional da Cátedra Victor Nunes Leal, além de criar um espaço de cultura institucional que viabilize a conexão entre diversos pesquisadores e a Corte, mediante pesquisas de excelência acadêmica, busca estimular a reflexão interna do Tribunal, fomentando estudos e colaborações sobre a própria instituição, com vistas ao seu aperfeiçoamento”, afirma o ministro Luiz Fux.

Edição virtual

A edição será realizada entre novembro e dezembro deste ano, de maneira integralmente virtual, tendo em vista a necessidade de distanciamento social imposta pela pandemia da Covid-19. O candidato deve escolher entre uma das linhas de pesquisa oferecidas: “Cortes Constitucionais Digitais e julgamentos virtuais (Plenário Virtual)”, “Governança em Cortes Constitucionais” ou “A atuação das Instituições Públicas no período da pandemia da Covid-19”.

Vagas

Serão disponibilizadas seis vagas, sendo duas para cada linha de pesquisa. Os interessados podem ser oriundos das áreas de Direito, Ciências Sociais (Antropologia, Sociologia, Ciência Política), Economia, História, Políticas Públicas, Relações Internacionais e demais áreas afins no campo das humanidades.

Visando promover a diversidade regional, será disponibilizada uma vaga para cada região do Brasil (Centro-Oeste, Nordeste, Norte, Sudeste e Sul) e uma para ampla concorrência. Também serão estimuladas e valorizadas como critérios de seleção a diversidade e a inclusão de raça e de gênero na composição da turma.

De acordo com o secretário-geral do STF, Pedro Felipe de Oliveira Santos, o programa busca promover trocas de conhecimento entre universidades e instituições renomadas nacionalmente de maneira a enriquecer o debate e a interlocução no Supremo, fornecendo incentivo e fomento à prática da pesquisa científica.

Inscrição

Para participar do processo seletivo, os pesquisadores interessados devem preencher o formulário de inscrição, escolher uma linha de pesquisa, apresentar currículo, documentos de identificação pessoal, diploma de doutor ou mestre, documentos comprobatórios de vínculo com a instituição de ensino, carta de motivação e um plano de trabalho estruturado com a proposta de pesquisa consoante às diretrizes do edital.

Segundo a coordenadora de Pesquisas Judiciárias do STF, Lívia Gil Guimarães, a inserção de pesquisadores brasileiros no Tribunal tem muito a agregar aos projetos e pesquisas da Corte, convergindo com o objetivo do Supremo de promover a produção e a difusão do conhecimento científico de excelência. Para ela, a cátedra e o lançamento do edital corroboram com um dos principais pilares do STF: fomentar um diálogo mais próximo com a comunidade acadêmica e a sociedade civil.

O projeto é uma iniciativa da Secretaria de Altos Estudos, Pesquisas e Gestão da Informação do STF. Para mais informações, confira o edital do Programa de Intercâmbio Nacional da Cátedra Victor Nunes Leal.

RP/AD

Leia mais:

1º/9/2021 – STF recebe estudantes de Oxford para pesquisas na Corte

]

Fonte STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) considerou a Taxa Referencial (TR), responsável pela correção monetária de precatórios e do FGTS entre os anos de 1999 e 2013, como inconstitucional.

Todos os Servidores Públicos (Federal, Estadual e Municipal) têm direito ao saque integral do PASEP. Para obter o saldo do PASEP é preciso ingressar com Ação de Cobrança.

O segurado que possui inscrição no INSS em data anterior a 29/11/1999, tendo contribuições antes deste período, somado ao fato de que requereu o benefício após 29/11/1999, tem direito à revisão da vida toda.

O STF declarou constitucional a cobrança adicional de 10% sobre a multa do FGTS nos casos de demissão sem justa causa e negou pedido de uma empresa para restituição de valores pagos ao governo.

Diversos tribunais Brasileiros reconhecem a ilegalidade da cobrança do ICMS na conta de Energia elétrica, milhões de pessoas em todo o país tem direito a restituição, veja como buscas a restituição para seus clientes.

O STF decidiu que o ICMS não compõe a base de cálculo para a incidência do PIS e da Cofins. Entretanto, a Receita Federal continua exigindo das empresas o recolhimento do ICMS, sendo necessário entrar a Justiça para reaver valores pagos e impedir cobranças futuras.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
STF - Superior Tribunal Federal

STF - Superior Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal (STF) é a mais alta instância do Poder Judiciário do Brasil e acumula competências típicas de Suprema Corte (tribunal de última instância) e Tribunal Constitucional (que julga questões de constitucionalidade independentemente de litígios concretos). Sua função institucional fundamental é de servir como guardião da Constituição Federal de 1988, apreciando casos que envolvam lesão ou ameaça a esta última.

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

janela
Jusdecisum Informativo Jurídico
Logo