Veja como estudar online para o exame de ordem da OAB

Veja como é possível estudar para a Prova da OAB online, se utilizar de ferramentas e informações valiosas que podem te dar um ganho de aprendizado capaz de garantir sua aprovação no Exame de Ordem.

Todos os anos milhares de estudantes de direito se formam e passam a fazer parte do time que irá buscar a aprovação na prova da Ordem dos Advogados do Brasil, por mais que não obtendo a carteira da OAB algumas oportunidades no setor jurídico ainda possam ser aproveitadas, como concursos públicos por exemplo, o objetivo da maioria dos formados é exercer a advocacia, com cerca de 80 questões objetivas, referentes às 17 matérias listadas nos editais esse vasto conteúdo cobrado nas provas costuma assustar muita gente, e é ai que começa uma nova fase que pode ser bem estressante e causadora de apreensão e ansiedade para muitos, estudar para a prova da OAB.

Esse estresse é totalmente compreensível e justificável, pois diferentemente de outras outras faculdades, onde ao se formar o graduado já pode começar a exercer a profissão logo em seguida, no direito funciona de maneira diferente, mesmo tendo concluído a graduação e com o diploma em mãos o graduado não pode advogar enquanto não for aprovado no Exame de Ordem, agora imagina, você passa anos estudando e quando finalmente se forma, se caso não conseguir a aprovação, simplesmente não conseguirá advogar, frustrante não ?

Felizmente, vivemos e uma época de abundancia de informação e tecnologias que são capazes de nos ajudar em infinitas tarefas, hoje, e especial, iremos mostra como você pode utilizar essa abundância de informações e tecnologias para estudar e ser aprovado na Prova da OAB.

Vale lembrar que nossa equipe fez uma pesquisa detalhada de metodologias de estudos, cronogramas e demais ferramentas aqui descritas e mencionadas para facilitar o seu aprendizado e preparação para o Exame de Ordem, sabemos que a abundância de informações, métodos e ferramentas também nos traz conteúdos ruins, então, é hora de separar o Joio do trigo e descobrir o que de fato pode te ajudar na busca pela aprovação no prova da OAB, vamos lá ?

1 – Conhecer o funcionamento e a estrutura do Exame da Ordem.

1ª Fase

A primeira etapa da prova é composta por 80 questões de múltipla escolha, com 4 alternativas cada e apenas uma correta. Não é possível usar livros para consulta, nem mesmo o Vade Mecum ou outros materiais com a lei seca. São cobradas 17 matérias:

O candidato tem 5 horas para resolver a prova, já incluído o tempo para preenchimento do gabarito. Para ser aprovado e ir para a segunda fase, é necessário acertar pelo menos 50% do exame, ou seja, 40 questões.

2ª Fase

A segunda etapa consiste em uma prova prático-profissional, em que o candidato deverá elaborar uma peça processual específica, de acordo com o problema apresentado, e responder 4 questões discursivas em 5 horas. Nessa fase, o candidato pode consultar a lei seca, sem anotações ou comentários.

A prova vale 10, sendo que 5 pontos são referentes a peça processual e o restante é dividido entre as outras questões. Um ponto importante nessa etapa é que o candidato pode escolher entre os 7 principais campos do Direito, que serão o foco das questões e da peça processual. São eles:

  • Direito Administrativo;
  • Direito Civil;
  • Direito Constitucional;
  • Direito do Trabalho;
  • Direito Empresarial;
  • Direito Penal;
  • Direito Tributário.

Sem dúvidas, definir a matéria da segunda fase é um dos grandes dilemas enfrentados por quem deseja advogar. Afinal, qual critério usar na escolha? Afinidade com a disciplina ou volume de conteúdo?

Muitos estudantes escolhem as matérias com menos peças processuais para agilizar os estudos e aumentar as chances de acerto, enquanto outros preferem fazer a prova prática sobre os assuntos com maior afinidade.

É preciso avaliar as alternativas com calma. Apesar de a falta de conteúdo parecer uma vantagem, se você tem dificuldades na disciplina ou nunca a estudou com muita profundidade, provavelmente não compensará investir nela para a segunda fase.

Repescagem

Uma das principais mudanças feitas no Exame da Ordem, e que trouxe benefícios, é a repescagem: se você foi aprovado na primeira fase, mas reprovou, se ausentou ou foi eliminado da segunda, você pode se inscrever para fazer apenas a prova prática na edição seguinte.

Além de aproveitar o resultado positivo da primeira fase, a repescagem permite que o candidato altere a disciplina escolhida para a segunda fase. Assim, caso você se arrependa da matéria escolhida na primeira tentativa, essa é a chance de fazer diferente e buscar a aprovação.

O custo é de 50% da taxa de inscrição comum. Porém, caso não obtenha a aprovação na repescagem, será necessário fazer a primeira fase novamente no exame seguinte.

2 Conheça a banca

Quem é familiarizado com os concursos públicos, sabe que as provas são elaboradas e aplicadas por bancas organizadoras. No caso da OAB, o exame é de responsabilidade Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Conhecer a banca e o estilo de prova é importante para organizar a sua rotina de estudos. Algumas bancas focam em teoria e lei seca, enquanto outras gostam de cobrar entendimentos jurisprudenciais.

A FGV é conhecida por criar questões multidisciplinares, que conectam mais de uma matéria. Desse modo, uma pergunta pode envolver conhecimentos em Direito Processual Civil e sobre o ECA, por exemplo, questionando qual a ação adequada para uma situação específica envolvendo uma criança.

Isso já traz outra dica importante: ao estudar, sempre tente conectar as matérias com os demais conteúdos estudados. Assim, durante a prova você terá mais facilidade para fazer essas conexões e responder as questões.

3 – Resolva provas anteriores

A resolução de provas anteriores é uma técnica importante para quem deseja a aprovação. Essa é uma forma de avaliar o seu aprendizado e se familiarizar com o estilo das questões da banca.

Além disso, é comum que surjam perguntas com construções semelhantes em novas provas, e já ter realizado as anteriores pode ajudar na hora de identificar uma pegadinha e acertar a resposta.

Mesmo os erros trazem benefícios para os estudos. Sempre que errar uma questão, consulte a resposta certa e aproveite a oportunidade para ler mais sobre o assunto. Desse modo, você também consegue avaliar as matérias de maior dificuldade para se dedicar mais.

4 – Faça Simulados

Os simulados são uma oportunidade incrível para ver como você lida com o tempo disponível para o exame e avaliar o resultado nos estudos. Criados nos mesmos moldes da prova feita pela FGV eles também ajudam a se habituar ao estilo da banca.

Você consegue encontrar opções online e muitos cursinhos organizam simulados abertos ao público. Pesquise as opções disponíveis e invista nessa estratégia. Assim, você consegue identificar pontos de melhoria, inclusive sobre a gestão do tempo de prova.

Lembre-se de que responder 80 questões e preencher o gabarito exige bastante tempo. No caso da prova discursiva, isso é ainda mais importante, pois é preciso passar a limpo toda a peça processual e as questões objetivas.

5 – Facilitadores

Chegamos a parte mais importantes do nosso artigo, os facilitadores, mas oque são estes tais facilitadores ?

Como você obviamente deve saber, você não é o único a fazer o Exame de Ordem, o Brasil atualmente tem mais de 1 milhão de advogados, isso é mais do que todos os advogados dos países europeus juntos ! No meio de tantas pessoas, muitas delas decidiram compartilhar seus casos de sucesso em forma de ajuda e compartilhamento de seus conhecimentos e experiências, na internet podemos encontrar diversos materiais elaborados por pessoas que não só foram aprovados na Prova da OAB mas que conquistaram carreiras de sucesso na advocacia nacional.

Afinal, se não fosse por nossa pesquisa e estudo para descobrir e trazer esses tais facilitadores, esse artigo seria apenas mais um assim como tantos outros sobre o tema disponíveis por ai, então, vamos a eles !

Nossa equipe avaliou fatores considerados importantes para este tipo de material, se estão atualizados, se possuem bons índices de aprovação no Exame de Ordem, se oferecem algum tipo de bônus aos estudantes e seus índices de venda e avaliação, afinal, se um material é adquirido por um grande número de pessoas, isso se caracteriza como uma prova social assim como suas avaliações por estudantes que utilizam ou utilizaram o material, veja abaixo nossa avaliação dos principais materiais disponíveis na internet para lhe auxiliar em seus estudos, observe, analise e faça sua escolha consciente.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Jusdecisum

Data Venia Dr's e Dra's !O Jusdecisum é um site de informativo jurídico que tem como objetivo reunir as decisões jurídicas dos principais tribunais do país em um só lugar, facilitando assim a informação e o estudo de profissionais e estudantes da área jurídica.Abaixo, estão nossas redes sociais e contatos, nos siga, mantenha-se atualizado sobre as decisões jurídicas dos principais tribunais, venha fazer parte desta grande comunidade jurídica que estamos criando !Sejam sempre muito bem vindos !

1 Comentário
  1. Respostas
    Pedro Jorge Pereira de Souza 17 de março de 2021 as 17:38

    Parabéns pela matéria de utilidade.

    Deixe uma Comentário

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    janela v3.3
    Jusdecisum Informativo Jurídico
    Logo