Prefeitura de Goiânia deverá fornecer máscaras para servidores das recepções de unidades de saúde – Prefeitura de Goiânia deverá fornecer máscaras para servidores das recepções de unidades de saúde – CSJT2

O juiz Celismar Figueiredo, substituto da 7ª Vara do Trabalho de Goiânia (GO), determinou, em decisão liminar, que a Prefeitura de Goiânia forneça máscaras aos servidores municipais que trabalham nas recepções de todas as unidades de saúde do município, sob pena de multa de R$ 20 mil por unidade prejudicada. A liminar atendeu parcialmente aos pedidos formulados pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em Goiás em Ação Civil Pública (ACP) protocolada no início do mês de abril.

Conforme o MPT, a ação foi motivada por denúncia sigilosa de um servidor público de uma unidade de saúde de Goiânia de que os recepcionistas dos postos de saúde não estão recebendo os equipamentos de proteção individual (EPIs) para se protegerem da contaminação pelo novo coronavírus. O MPT informou que o Protocolo de Biossegurança para o Manejo de Pacientes com Suspeita ou Confirmação de Covid-19, da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, não incluiu o uso de máscaras aos profissionais das áreas administrativas e da recepção, mas apenas a higiene das mãos.

Justificativa

O MPT justificou que o primeiro atendimento do paciente com suspeita ou confirmação de covid-19 é feito pelos profissionais da recepção e alertou que, sem a máscara de proteção, esse servidor, em face de um resultado positivo, corre o risco inevitável de ser contaminado, e ainda, caso não apareça nenhum sintoma que o afaste de suas atividades laborais, poderá ser um transmissor em potencial do vírus aos seus colegas de trabalho e a pacientes não contaminados.

O juiz Celismar Figueiredo destacou a relevância do pedido do MPT a partir da notória pandemia pelo novo coronavírus, do estado de calamidade pública decretado no país e das rigorosas medidas de saúde pública preconizadas pela Organização Mundial de Saúde e pelo Ministério da Saúde do Brasil. Na decisão de caráter liminar, o magistrado considerou a elevada quantidade de trabalhadores nas recepções das unidades de Saúde do município de Goiânia (Cais, UPAs, Ciams, hospitais e centros de saúde) e suas condições de proximidade física em ambiente laboral fechado, estando presentes “a probabilidade do direito vindicado e o perigo de grave dano a tais trabalhadores e a seus familiares, e por conseguinte, à saúde pública”.

Quanto ao pedido do MPT para declaração de nulidade do referido Protocolo de Biossegurança, o juiz afirmou que tal nulidade seria desproporcional porque deixaria desguarnecidos os médicos e demais profissionais de saúde. Assim, o magistrado determinou que o município de Goiânia complemente o Protocolo com a inclusão de fornecimento do EPI denominado “máscara cirúrgica” aos profissionais administrativos que trabalham na recepção das unidades de saúde do município.

Para dar mais agilidade ao cumprimento dessas medidas, o juiz Celismar Figueiredo deu força de mandado judicial à decisão, que deverá ser cumprida no prazo de cinco dias desde a intimação. O eventual descumprimento da medida importará em multa de R$ 20 mil por unidade de saúde prejudicada.

Fonte: TRT da 18ª Região (GO)  

Jusdecisum

Jusdecisum

Data Venia Dr's e Dra's ! O Jusdecisum é um site de informativo jurídico que tem como objetivo reunir as decisões jurídicas dos principais tribunais do país em um só lugar, facilitando assim a informação e o estudo de profissionais e estudantes da área jurídica. Abaixo, estão nossas redes sociais e contatos, nos siga, mantenha-se atualizado sobre as decisões jurídicas dos principais tribunais, venha fazer parte desta grande comunidade jurídica que estamos criando ! Sejam sempre muito bem vindos !

Conheça as teses que estão em alta no momento e veja como trabalhar com elas

Tese da Nova Correção do FGTS

Supremo Tribunal Federal (STF) considerou a Taxa Referencial (TR), responsável pela correção monetária de precatórios e do FGTS entre os anos de 1999 e 2013, como inconstitucional.

Tese da Cobrança de Saldo do PASEP dos Servidores Públicos

Todos os Servidores Públicos (Federal, Estadual e Municipal) têm direito ao saque integral do PASEP. Para obter o saldo do PASEP é preciso ingressar com Ação de Cobrança.

Tese da Revisão da Vida Toda PBC

O segurado que possui inscrição no INSS em data anterior a 29/11/1999, tendo contribuições antes deste período, somado ao fato de que requereu o benefício após 29/11/1999, tem direito à revisão da vida toda.

Tese da Restituição da Multa de 10% do FGTS

O STF declarou constitucional a cobrança adicional de 10% sobre a multa do FGTS nos casos de demissão sem justa causa e negou pedido de uma empresa para restituição de valores pagos ao governo.

Tese da Restituição do ICMS Cobrado Indevidamente na Conta de Luz

Diversos tribunais Brasileiros reconhecem a ilegalidade da cobrança do ICMS na conta de Energia elétrica, milhões de pessoas em todo o país tem direito a restituição, veja como buscas a restituição para seus clientes.

Tese da Exclusão do ICMS da Base de Cálculo do PIS/COFINS

O STF decidiu que o ICMS não compõe a base de cálculo para a incidência do PIS e da Cofins. Entretanto, a Receita Federal continua exigindo das empresas o recolhimento do ICMS, sendo necessário entrar a Justiça para reaver valores pagos e impedir cobranças futuras.

Tese da Exclusão do ISSQN da Base de Cálculo do PIS/COFINS

A tese refere-se à base de cálculo do PIS/COFINS, que não deve ter em sua base de cálculo valores arrecadados a título de ISS, pois estes não se incorporam ao patrimônio do contribuinte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

janela