Eleitor fiscal: aplicativo Pardal bate recorde com mais de 52,9 mil denúncias nas Eleições 2022

O aplicativo Pardal registrou 52.920 denúncias de propaganda eleitoral irregular nas Eleições Gerais de 2022, um aumento de 8,72% em comparação com o pleito de 2018. Naquele ano, foram registradas 48.673 queixas. Esse crescimento no número de relatos retrata uma maior participação do eleitorado como fiscal do processo eleitoral, além da atuação dos próprios órgãos … Ler mais

Irregularidades registradas no aplicativo Pardal ultrapassam 43 mil casos

O aplicativo Pardal recebeu 43.074 denúncias de propaganda eleitoral irregular referentes às Eleições Gerais de 2022. Aproximadamente 26% das denúncias deram origem a 12.352 processos que estão em tramitação no Processo Judicial Eletrônico (PJe) da Justiça Eleitoral. Os dados são desta segunda-feira (24). O app, que foi reativado no dia 16 de agosto deste ano, … Ler mais

Aplicativo Pardal registra mais de 40 mil denúncias de irregularidades nas Eleições 2022

O aplicativo Pardal, da Justiça Eleitoral, recebeu 40.275 denúncias relativas às Eleições Gerais de 2022 desde quando foi reativado, no dia 16 de agosto deste ano. Os dados são desta terça-feira (18). No pleito de 2018, foram registradas 48.673 queixas, a maioria relativa à propaganda eleitoral irregular. Além dessa irregularidade, a ferramenta recebe acusação de … Ler mais

Pardal registra quase 38 mil denúncias relativas às Eleições 2022

O aplicativo Pardal, da Justiça Eleitoral, já recebeu 37.951 denúncias relativas às Eleições Gerais de 2022 desde quando foi reativado, em 16 de agosto. Os dados são desta segunda-feira (10). Só na data da votação do primeiro turno do pleito, dia 2 de outubro, o app recebeu 5.332 denúncias, um recorde para um único dia. … Ler mais

Eleições 2022: até as 17h, Pardal registra 4.872 denúncias de propaganda eleitoral irregular relativas ao 1º turno

Com o encerramento da votação do primeiro turno das Eleições Gerais de 2022 em todo o país, a Justiça Eleitoral registrou 4.872 denúncias de propaganda eleitoral irregular, encaminhadas por meio do aplicativo Pardal. No total geral, desde o dia 16 de agosto – data em que iniciou a propaganda eleitoral – foram registradas por meio … Ler mais

Nova versão do aplicativo Pardal completa um mês de funcionamento com mais de 16,8 mil denúncias

Em um mês de funcionamento, o aplicativo Pardal, da Justiça Eleitoral, recebeu 16.814 denúncias de propaganda eleitoral irregular, vindas de todo o Brasil. O recorde foi registrado na última quinta-feira (15): foram 1.088 denúncias em um só dia. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (19). As denúncias deram origem a 4.705 (26,19%) processos em tramitação … Ler mais

Pardal: mais de 10 mil denúncias de propaganda eleitoral irregular são registradas em menos de um mês

Desde o dia 16 de agosto, o aplicativo Pardal recebeu 10.870 denúncias de propaganda eleitoral irregular, vindas de todo o país. Os dados são desta segunda-feira (12). O app está apto a receber as seguintes denúncias: compra de votos; uso da máquina pública; crimes eleitorais; e propagandas irregulares. Já a apuração de todas as denúncias … Ler mais

Saiba como denunciar irregularidades eleitorais usando o app Pardal

O Pardal é um aplicativo de fácil acesso oferecido gratuitamente pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que qualquer cidadão possa enviar denúncias sobre diversos tipos de irregularidades durante as campanhas eleitorais espalhadas por todo o país. O app está apto a receber as seguintes denúncias: compra de votos; uso da máquina pública; crimes eleitorais; e … Ler mais

Aplicativo Pardal recebe denúncias de irregularidades sobre as Eleições 2022

Já está disponível para download o aplicativo Pardal, importante canal para fazer chegar ao Ministério Público Eleitoral (MP Eleitoral) denúncias com indícios de irregularidade durante as Eleições 2022. O app é gratuito e pode ser encontrado nas lojas virtuais Apple Store e Google Play e em formulário web nos Portais da Justiça Eleitoral. Neste momento, como ainda não … Ler mais

Leia também!